terça-feira, 28 de agosto de 2012

MEDALHAS DE GUERRA 2 ANOS


Dois anos de coletas e pesquisas para dar um pouco de informação sobre as condecorações nacionais e estrangeiras civis e militares. Obrigado a todos amigos que escrevem e elogiam o humilde trabalho e a  a todos que sempre frequentam o blog. 

Willivam Lambert


quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Cruz de Tropa do Kaiser Karl

Karl Truppenkreuz

Criada em 13 de dezembro de 1916 pelo imperador Karl I da Áustria-Hungria, é uma medalha de serviço que destinava-se a soldados daquele império, independente da patente, que estivem lotados em uma unidade de combate por um período de, no mínimo, 12 meses semanas (ainda que em uma função de não combatente), ou que estivesse servido na frente de batalha. 
Ela foi concedida até o fim das hostilidades, em novembro de 1918, totalizando cerca de 651.000 medalhas entregues. Essas medalhas eram feitas de zinco (este tipo foi amplamente distribuído) e consiste em uma cruz pattée repousando sobre uma coroa de louros. Existem várias produções de guerra, geralmente em vários tipos de metal, provavelmente por razões de economia em um país exausto, existe uma versão em bronze muito raro, provavelmente no inicio da produção.

Na frente traz a inscrição:

 "GRATI PRINCEPS ET PATRIA, CAROLVS IMP.ET REX"
 Um príncipe e uma nação gratos, Karl, Imperador e Rei. 

O reverso exibia as coroas imperiais da Áustria e da Hungria sobre a letra "C" de "Carolus", com a inscrição:
 "VITAM ET SANGVINEM" 
"com a vida e o sangue"

E a data MDCCCCXVI (1916). Seu desenho foi baseado na Cruz do Exército instituída em 1813, durante as guerras napoleônicas.

 Cruz de Tropa de Kaiser Karl I , em Zinco

Fontes: Internet

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Medalha Comemorativa da Batalha de Verdun

La médaille de Verdun

Foi criado em 20 novembro de 1916, oficialmente pelo Conselho Municipal da Cidade de Verdun, para comemorar o heroísmo de seus defensores. Mas de acordo com o trabalho de Thierry Silvert ( "A Medalha de Verdun" 2006), teria origem em uma combinação de refugiados do Meuse em Paris .

Originalmente destinado a ser concedido para aqueles que serviram na  frente Verdun entre 21 de fevereiro de 1916 e 2 de Novembro de 1916, a medalha foi, de fato, concedidos àqueles que serviram em qualquer lugar do Argonne e setores St Mihiel entre 31 de Julho de 1914 e 11 de novembro de 1918 . O original, oficial e mais comumente encontrados e o tipo "Vernier", como no exemplo atual, mas desde que o fornecimento de esta medalha foram insuficientes, outros modelos foram criados, pelo menos (7) sete versões de diferentes são conhecidos.

Entre 21 de Fevereiro e 19 de dezembro de 1916, cerca de 70% de todo o exército francês por rotação lutoaram na defesa de Verdun. A batalha foi o ponto alto da estratégia verdadeiramente aterradora da batalha de atrito, a cidade com suas fortalezas foram atacados pelos alemães na certeza de que o comando francês teria que fazer o que fosse necessário para defendê-la e com o objetivo de "sangrar a França até da derrota". No caso, as perdas francesas de 120.000 mortos e 260.000 feridos foram quase igualou no lado alemão e, no final de 1916 o francês tinha recuperado todo o terreno que haviam perdido no início do ano. A medalha é cada vez mais difícil de encontrar.

Porta da cidade de Verdun, esta muralha medieval esta gravada
 no verso da Medalha como simbolo da resistência


Ossuário de Douaumont nele os restos de soldados desconhecidos, 130,000 
franceses e alemães que caíram nos campos de batalha de Verdun


Ossuário improvisado 1920

Todo veteranos franceses e aliados que possam demonstrar o seu serviço ativo no campo da Verdun  pode ter seu nome no Livro de  Ouro dos soldados de Verdun. O Registo pode ser feito postumamente como ainda hoje é possível. (Devido ao grande número de desaparecidos na batalha , muitos corpos são encontrados ainda hoje, e depois de identificados e catalogados).
Medalha em bronze circular com olhal para suspensão da fita; o rosto com a cabeça e ombros de um capacete representativa figura da República Francesa segurando um espada a frente, à direita a inscrição:

 "ON NE PASSE PAS" (Eles não passarão)

E a assinatura do escultor "VERNIER"; o inverso com a fachada da cidadela de Verdun, inscrito' VERDUN" sobre um fundo acima, a data '21 FEVRIER 1916 "(21 de fevereiro de 1916) a seguir, palmas nos dois lados da medalha. 


On Ne Passe Pas
Eles não Passarão

Fabricante Privado (não marcado) 26,5mm diametro, gravação menos precisa

Não tem marca do fabricante no verso. Mesmo assim é um dos 2 modelo
mais comum encontrado


 Outro modelo com dupla argolas este fabricado pela 
Paris Mint (gravação precisa) e medido 27mm x 2mm.
Com uma escasso barrete "VERDUN" 
 fabricados pelos estabelecimentos Mourgeon .


NA. A presença de um grampo na fita medalha de Verdun não foi justificada e muitas medalhas foram usadas com a fita nua. Mesmos assim foram criados clips diferentes com o nome "Verdun" (não oficial) como nesta medalha.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...